sexta-feira, 17 de novembro de 2017

União Ibérica e Os Bragança

A crise da sucessão do trono português iniciou em 1578. E levou à União Ibérica, em 1580. Portugal e Espanha seguiram unidos até 1640. Período no qual se sucederam três reis: Filipe I, II e III.

União Ibérica - Portugal e Espanha (1580-1640)
União Ibérica - Portugal e Espanha (1580-1640)

A Coroa Espanhola concentrava os interesses comerciais no México e no Peru. Nestes países, circulava a maior parte da prata de Potosi. A situação, porém, muda em 1595, quando surgem os escravos africanos na América Espanhola.

Os portugueses eram especialistas em tráfico negreiro. Em especial, os cristãos-novos (judeus portugueses). Por sofrer forte perseguição na Europa, fugiram para a América do Sul. Em 1640, Buenos Aires tinha 370 habitantes. E 25% eram portugueses.

Eles recebiam a prata e comerciavam na China, que não aceitava ouro. E com o fim da União Ibérica, a ordem é expulsar os portugueses. Porém, muitos eram mercadores e banqueiros extremamente ricos. E casaram com mulheres espanholas.

Os Braganças e A Ênfase no Brasil
Com a ascensão dos Bragança, a Coroa Espanhola impediu os portugueses de ficarem nos porto hispano-americanos.

Adaptado da palestra "Cenário de Fronteira Viva", do Professor Fábio Kühn.
Imagem adaptada de História de Tudo.

0 comentários:

Postar um comentário

 
Free Host | new york lasik surgery | cpa website design