quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Cascata dos Molin, Caxias do Sul

A Cascata dos Molin é uma queda d' água de 50 metros. Está localizada em Caxias do Sul, a 7 km da sede do distrito de Ana Rech.

Cascata dos Molin, no Distrito de Ana Rech, em Caxias do Sul. Queda d'água com vegetação nativa ao redor.
Cascata dos Molin, Caxias do Sul.

Cascata de Santa Bárbara, Caxias do Sul

A Cascata Santa Bárbara é uma queda d'água de 60 metros. Está localizada em Caxias do Sul, a 5 km da sede do distrito de Ana Rech.

Cascata de Santa Bárbara, no Distrito de Ana Rech, em Caxias do Sul. Base da queda d'água e poço.
Cascata de Santa Bárbara, Caxias do Sul

terça-feira, 29 de setembro de 2015

Morro do Calvário Igreja Matriz São Marcos

Praticamente a totalidade das atrações de São Marcos concentra-se em seu centro. O grande destaque é Morro Calvário. Vale à pena conferir também a Igreja Matriz e a Praça Central, localizada à sua frente.

Reprodução de Pietá no Morro Calvário. Jesus morto nos braços da Virgem Maria.
Reprodução de Pietá no Morro Calvário.
  
Continuação de...
Igreja Matriz e Ponte dos Korff em Criúva


Deixei Criúva rumo a São Marcos. No caminho, passei pela Igreja de São Luiz. Esta igreja fica à direita para quem vem de Criúva. Pequena, segue a característica das construções da região, com torre na lateral.

Igreja de São Luiz, em São Marcos. Igreja construída em pedra.
Igreja de São Luiz, em São Marcos.
Igreja construída em pedra.

Chegando ao centro de São Marcos, meu primeiro destino foi o Morro Calvário. No alto, a imagem do Cristo crucificado. E abaixo, uma capela com uma reprodução da escultura “Pietà”. Trata-se do cartão-postal da cidade.

Crucifixo no Morro Calvário, em São Marcos. Há imagens de santos nas laterais direita e esquerda.
Crucifixo no Morro Calvário,
em São Marcos.

Desci o morro rumo à Igreja Matriz. Estava fechada. Porém, a Gruta Nossa Senhora Aparecida, abaixo da igreja estava aberta. Por fora, a arquitetura da igreja é mais chamativa e despertou mais meu interesse.

Igreja Matriz de São Marcos. Escultura de leão em pedra e cactus em frente à igreja construída em estilo moderno.
Igreja Matriz de São Marcos.

Concluí a caminhada pelo centro de São Marcos dando uma volta ao redor da Praça Central. Um chafariz distingue essa praça da maioria. A presença de um tanque de guerra em uma das esquinas provavelmente a torne única.

Tanque de guerra na Praça Central de São Marcos. Tanque em primeiro plano com araucária ao fundo.
Tanque de guerra na Praça
Central de São Marcos.

segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Praça Dante Marcucci, São Marcos

A Praça Dante Marcucci fica no centro de São MarcosFoi restaurada em 2004. E é, hoje, o cartão-postal da cidade. Esta praça conta com torres de iluminação, chafariz e sonorização para o equilíbrio das águas do chafariz.

Praça Dante Marcucci, São Marcos. Chafariz circundado por árvores.
Praça Dante Marcucci, São Marcos

A praça é o local perfeito para descanso, roda de chimarrão e encontro de amigos. Desde a inauguração, as principais festas da cidade são realizadas na praça. Ela foi entregue à população no dia 7 de setembro de 1943.


Veja também...
Morro do Calvário e Igreja Matriz de São Marcos

Gruta Nossa Senhora Aparecida, São Marcos

A Gruta de Nossa Senhora Aparecida fica em um espaço abaixo da Igreja Matriz de São Marcos. E é  toda revestida em pedras de rio.

Gruta de Nossa Senhora Aparecida, São Marcos. Construída com pedras de rio. Há bancos de igreja para orações.
Gruta de Nossa Senhora Aparecida, São Marcos

Localização: Rua Osvaldo Aranha, 1.058, Centro de São Marcos.


Veja também...
Morro do Calvário e Igreja Matriz de São Marcos

domingo, 27 de setembro de 2015

Igreja Matriz de São Marcos

A Igreja Matriz de São Marcos foi construção em 1978, em estilo moderno, barroco e imperial. Localizada em frente à Praça Dante Marcucci, a Matriz abriga o Museu Paroquial a Gruta de Nossa Senhora Aparecida.

Igreja Matriz de São Marcos construída em estilo moderno.
Igreja Matriz de São Marcos

Localização: Rua Osvaldo Aranha, 1.058, Centro de São Marcos.


Veja também...
Morro do Calvário e Igreja Matriz de São Marcos

Morro Calvário, São Marcos

O Morro Calvário é uma formação montanhosa com 795 metros de altitude. Abriga as 14 Estações de Via Sacra e o Monumento do Cristo Crucificado. Para se chegar ao monumento, segue-se por uma trilha de pedra natural. Ali estão as catorze estações.

Cristo crucificado no alto do Morro Calvário, em São Marcos.
Morro Calvário, São Marcos

Os Monumentos da Via Sacra foram idealizados pelo padre Osmar Possamai e o arquiteto Angelo Grizzon Neto. As imagens foram fundidas em ferro pela firma de Nelson Borghetti e esculpidas pelo padre Jairo Grizzon.

Localização: Rua Castro Alves esquina Monsenhor Henrique Compagnoni. Centro de São Marcos.


Veja também...
Morro do Calvário e Igreja Matriz de São Marcos

sábado, 26 de setembro de 2015

Igreja de São Luiz, São Marcos

A Igreja de São Luiz é uma construção feita em pedra. Ela fica localizada na rodovia de acesso VRS, a 15,5 km do Centro de São Marcos.

Igreja de São Luiz, São Marcos. Igreja de pedra com campanário à esquerda.
Igreja de São Luiz, São Marcos

São Marcos, Rio Grande do Sul

Cidade de colonização italiana localizada na Região dos Vinhedos, 30 km ao norte de Caxias do Sul. Conta com cerca de 20 mil habitantes. E tem no Monte Calvário o seu principal ponto turístico.

Mapa do Município de São Marcos, Rio Grande do Sul
São Marcos, Rio Grande do Sul

O Vale do Rio São Marcos fica no quilômetro 130 da BR-116, a 13 km da sede. A região é rica em vegetação subtropical e tem quatro pequenas cascatas. No verão, o acesso é mais fácil pela redução do nível de água.

Igreja Matriz de São Marcos. Igreja construída em estilo moderno.
Igreja Matriz de São Marcos.

Mapa de São Marcos adaptado do Wikipedia.


Distâncias
Assunção = 1.415 km
Buenos Aires = 1.235 km
Florianópolis = 655 km
Montevidéu = 1.055 km
Porto Alegre = 160 km
Rio de Janeiro = 1.565 km
São Paulo = 1.065 km


Atrações Turísticas

sexta-feira, 25 de setembro de 2015

Igreja Matriz e Ponte dos Korff em Criúva

O principal atrativo do centro de Criúva é a Igreja Matriz, de pedra. E mais afastada do centro do distrito fica a Ponte dos Korff. A ponte sobre o Rio das Antas marca a divisa de Caxias do Sul e Campestre da Serra.

Igreja de Pedra é a Matriz do Distrito de Criúva.
Igreja Matriz de Criúva.

Continuação de...
Monumento Bertussi e Indiada em Criúva


Após resgatar o carro atolado numa estrada de terra, retornei ao centro de Criúva. Passei pela Igreja Matriz. Com o sol contra, a fachada ficou na sombra. Prejudicada a fotografia, segui logo para a Ponte dos Korff.

Porte dos Korff, sobre o Rio das Antas, em Criúva, Caxias do Sul.
Porte dos Korff, em Criúva, Caxias do Sul.

Como as demais estradas de terra, a sinalização desta é bem precária. Até a ponte são 11 km. Em alguns momentos, questionei se estava na estrada. Estava às cegas e não havia qualquer casa às margens da estrada.

Rio das Antas em Criúva, Caxias do Sul.

Após percorrer 9 km, há um mirante de madeira voltado para o Rio das Antas. Dali é possível avistar a Ponte dos Korff, à esquerda. Um excelente ponto para verificar a antiga ponte de ferro por outro ângulo.

Ponte dos Korff e Rio das Antas vistos de  um mirante de madeira junto à estrada.
Ponte dos Korff e Rio das Antas vistos de
um mirante de madeira junto à estrada.

Seguindo-se por mais 2 km, morro abaixo, chega-se à Ponte dos Korff. Inaugurada em 1907, é a mais antiga ponte sobre o Rio das Antas ainda existente. Na época, ela marcava a divisa de Caxias do Sul e Vacaria.

Caminhada sobre o chão de madeira da Ponte dos Korff.
Caminhada sobre a Ponte dos Korff.

O retorno ao centro de Criúva é mais complicado. É todo morro acima. E em alguns trechos há pedras soltas. Seja como for, conhecer a Ponte dos Korff é praticamente uma obrigação para quem visita o distrito de Criúva.

Ponte dos Korff, Caxias do Sul

Antiga ponte sobre o Rio das Antas, localizada no Distrito de Criúva, em Caxias do Sul. Uma bela opção de caminhada é seguir pela margem direita do Rio das Antas, até o Rio da Mulada, um de seus afluentes. É uma caminhada leve de uns 40 min.

Ponte dos Korff, em Caxias do Sul. Vista da parte de ferro da antiga ponte, caminhando-se sobre ela.
Ponte dos Korff, Caxias do Sul

Ponte dos Korff, sobre o Rio das Antas, vista de um mirante no alto do morro.
Ponte dos Korff, sobre o Rio das Antas.

quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Monumento Bertussi e Indiada em Criúva

Deixei o camping onde fica a cascata e segui ao Cânion dos Palanquinhos. Esta foi a grande indiada do dia. Segue-se pela mesma estrada da cascata. No caminho, logo após o camping, fica o Memorial aos Irmãos Bertussi.

Placa indicando o acesso ao Cânion Palanquinho e a rocha.
Placa indicando o acesso ao Cânion
Palanquinho e a rocha.

Continuação de...
Trekking até a Cascata do Rio da Mulada

O Memorial Irmãos Bertussi fica junto à estrada de terra. Ele homenageia a família de músicos que ficou conhecida como o “Cancioneiro das Coxilhas”. No local, há um obelisco e uma estátua representando os Irmãos Bertolussi.

Segui pela estrada de terra e passei do acesso ao Cânion dos Palanquinhos. Fiquei sabendo que deveria ter cruzado por uma porteira não sinalizada. Quer dizer, só chegaria lá se estivesse com alguém que conhecesse o local.


Perdi o Acesso ao Cânion
Como estava dizendo, passei do acesso. Percebi que estava no local errado quando, numa bifurcação, ia para uma fazenda ou para uma usina. O acesso à fazenda era fechado por porteira de ferro e cadeado.

Sem conseguir manobrar, tive de retornar de ré pelo estreito acesso. Por sorte, só uns 50 ou 60 metros. Sabia que o acesso à usina era terrível. Assim, decidi deixar o carro num pequeno gramado, antes da bifurcação.


Carro Atolado na Estrada
Aí começou o drama! O pneu dianteiro do passageiro atolou. Tentei dar ré e o pneu fez um pequeno buraco. Tentei tirar o carro empurrando morro acima. Sem chance. A solução era procurar por ajuda.

Caminhei por uns 10 minutos na direção da usina. Declive acentuado, pedra solta e nenhum sinal de vida. Passei pela fazenda, que imaginava estar deserta. Confirmei a impressão inicial ao pular a porteira...

Memorial dos Irmãos Bertussi: o da esquerda tocando acordeão. O da direita com o pé sobre o acordeão.
Memorial dos Irmãos Bertussi


Decisão de Seguir Caminhando
Eram 12h10 e decidi retornar caminhando em direção ao camping. Sem sinal de celular e casas por perto, tinha a certeza de que no camping encontraria ajuda. Calculei uns 15 km de caminhada. Depois, vi que eram 17 km.

Nesses momentos, o melhor é ser pessimista. Calculei umas três horas de trekking, num ritmo de 5 km/h. Levei 2L de Sprite, um leite condensado, medicamentos, um casaco de lona e uma capa de chuva.


Em Busca de Resgate
Programei o alarme para tocar a cada 5 min, marcando o ritmo. Começo a ingerir líquidos com 1h de trekking. No caso, comecei a beber com 30 minutos, por ter feito antes o trekking da cascata.

Após pouco mais de 1 km de caminhada, percebi que era melhor colocar a capa de chuva. Por dois motivos: para proteger do sol e ser visto. Mas sabia que, com isso, precisaria me hidratar mais seguidamente. Iria suar mais...

A capa de chuva serviu para os dois fins. Eram 12h30. O sol estava a pino! E alguns metros à frente, umas 15 vacas resolveram me seguir. Fiquei com a impressão que a capa de chuva ajudou a mantê-las longe.

Vacas em meio à estrada, em Criúva.
Vacas em meio à estrada, em Criúva.


O Resgate do Carro
Por sorte, encontrei uma casa com moradores após 5 km de caminhada. Havia só mulheres e crianças. Uma foi chamar o marido, o cunhado e o irmão. Eles seguiram comigo até o local onde eu havia deixado o carro.

Um pediu para manobrar o carro. Disse que costuma andar em estradas de terra e atoleiros. E rapidamente, tirou o carro. Mas disse que se estivesse sozinho não tentaria. Se desse errado, o carro só sairia com jipe ou trator...

O relato segue com...
Igreja Matriz e Ponte dos Korff em Criúva

Memorial Irmãos Bertussi, Caxias do Sul

Em 1947, Adelar passa a acompanhar Honeyde em suas apresentações. Em 1949, a dupla passa a ser chamada “Irmãos Bertussi, Os Cancioneiros das Coxilhas.” Nos invernos, a dupla trabalhava no Rio de Janeiro.

Memorial Irmãos Bertussi, Caxias do Sul
Memorial Irmãos Bertussi, Caxias do Sul

Em 1955, é lançado o primeiro disco da dupla, “Coração Gaúcho”. E a revista “O Cruzeiro”, a mais importante do Brasil, na época, veicula reportagem sobre a dupla. Isso leva a música dos Irmãos Bertussi para todo o país.


Importância dos Irmãos Bertussi
Foram duas décadas de intensa atividade. Especialmente, pela Região Sul do país. Em 1965, durante a Festa da Uva, os Irmãos Bertussi fizeram a sua última apresentação. Um show histórico e emocionante.

O pioneirismo dos Irmãos Bertussi foi juntar, pela primeira vez, dois acordeons. Tal casamento levou a novos resultados sonoros e rítmicos. E concretizou o que hoje é conhecido como música fandangueira.

Obelisco junto ao Memorial dos  Irmãos Bertussi, em Criúva.
Obelisco junto ao Memorial dos
Irmãos Bertussi, em Criúva.


Fim da Dupla "Irmãos Bertussi"
Com o fim da dupla, em 1965, Heneyde formou o grupo “Os Bertussi”, com o filho Daltro. Mais tarde, formou dupla com outros músicos. A especialidade era a música instrumental ou composta pensando na dança.

Adelar, primeiramente, formou a dupla “Os Cobras do Teclado”. Depois, o conjunto “Os Reis do Fandango”. E, então, o conjunto “Coração Gaúcho”. E quando Honeyde desfez seu conjunto, Adelar adotou o nome “Os Bertussi”.

Localização: Distrito de Criúva, Caxias do Sul


Veja também...
Monumento Bertussi e Indiada em Criúva

quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Trekking até a Cascata do Rio da Mulada, em Criúva

Criúva é o distrito mais afastado do centro de Caxias do Sul. E apresenta forte vocação para o ecoturismo. Os maiores destaques, nesse sentido, são a Cascata do Rio da Mulada e o Cânion dos Palanquinhos.

Trekking até a Cascata do Rio da Mulada, Criúva, Caxias do Sul. Foto da queda d´água.
Trekking até a Cascata do Rio da Mulada.

Deixei Farroupilha, por volta das 7h. E cheguei a São Marcos cerca de 1h depois. Mas só passei pela cidade, para pegar o acesso a Criúva. Cheguei à Criúva pelas 8h30 e segui direto para a Cascata do Rio da Mulada.


A Primeira Queda do Rio da Mulada
O tempo estava nublado. Temia que chovesse como ocorrera, intensamente, dias antes. Na verdade, enquanto fazia a trilha, o tempo começou a limpar. Na primeira queda, ainda estava nublado. Na segunda, o céu abriu.

Fui tomado pela decepção quando cheguei à primeira queda. Acreditava ser essa a Cascata do Rio da Mulada. Até é uma bela queda longitudinal, com uns três metros de altura. Mas esperava algo mais imponente.


Ali, encontrei um pai com dois filhos e dois sobrinhos. A frustração era geral. Porém ao chegarmos ao camping, ficamos sabendo que havíamos ido à queda errada. Não teve jeito: retomamos a trilha...


A Verdadeira Cascata do Rio da Mulada
Realmente, a caminhada dobrada valeu à pena. A Cascata do Rio da Mulada consiste em uma sequencia de quedas assimétricas. Com diferentes ângulos e alturas não é correto defini-la como uma série de cascatas longitudinais...

Dois pequenos acidentes ocorreram durante a ida até a primeira queda. Fui sozinho por uma trilha no mato, costeando o rio. E no trajeto, fui picado por uma abelha abaixo do olho. Havia deixado os antialérgicos no carro...

Queda d'água do Rio da Maluda, Criúva, Caxias do Sul.
Queda d'água do Rio da Maluda.

No retorno dessa primeira queda, um galho perfurou o colete e a camiseta e feriu o meu ombro direito. Tenho o mau hábito de fazer trilhas olhando para o chão. Tive a sorte de o galho não acertar o rosto. Melhor nem pensar...

O relato segue com...
Monumento Bertussi e Indiada em Criúva

Cascata do Rio da Mulada, Caxias do Sul

A Cascata do Rio da Mulada, com aproximadamente 80 metros, é uma das mais extensas de Caxias do Sul. O acesso é por caminhada leve, em campo aberto, com duração de uma hora, ida e volta.

Cascata do Rio da Mulada, Caxias do Sul
Cascata do Rio da Mulada, Caxias do Sul

Localização: Distrito de Criúva, Caxias do Sul.


Veja também...
Trekking até a Cascata do Rio da Mulada

terça-feira, 22 de setembro de 2015

Ecoturismo e Turismo de Aventura em Nova Roma do Sul

Nova Roma do Sul reúne atrativos naturais e religiosos. No primeiro caso, destaca-se o Cachoeirão. No segundo, a Igreja Matriz e a Capela São José. E o Eco Parque reúne ecoturismo e turismo de aventura.

Cachoeirão do Rio das Antas - Entre Nova Pádua e Nova Roma do Sul.
Cachoeirão do Rio das Antas

Cachoeirão do Rio das Antas
Cruzei de balsa, de Nova Pádua para Nova Roma do Sul. E segui para o Cachoeirão, avistado, minutos antes, do Belvedere Sonda e da estrada para a balsa. Mas a vista a poucos metros de distância é incomparável.

Cachoeirão do Rio das Antas - Entre Nova Pádua e Nova Roma do Sul.
Cachoeirão visto de Nova Roma do Sul

O Cachoeirão é o principal atrativo natural de Nova Pádua e Nova Roma do Sul. É o maior cartão postal da região. Pena o acesso ser tão precário... Por sorte, são poucos metros. Creio que apenas uns 2 km.



UHE Castro Alves e Igreja Matriz
Retomei a estrada de terra rumo ao centro da cidade. No trajeto, parei no mirante da UHE Castro Alves. Terror dos ecologistas, as usinas não deixam de oferecer uma linda vista, numa tentativa do homem domar a natureza.

Vertedouro da Usina Hidrelétrica Castro Alves, em Nova Roma do Sul
UHE Castro Alves, em Nova Roma do Sul

Conferi, rapidamente, os dois atrativos do centro de Nova Roma do Sul. O Casarão não estava aberto. A Igreja de São Pedro e São Paulo até estava. Porém, a fachada é chamou mais a minha atenção que o interior do templo.

Igreja Matriz São Pedro e São Paulo, em Nova Roma do Sul - Torre à esquerda.
Igreja Matriz São Pedro e São Paulo


Eco Parque Cia Aventura
Segui para o Eco Parque. E fiz a trilha para a Cascata Nona Rosa (pequena queda) e para a Cascata Vô Ernesto. Na última, peguei sol contra. E boa parte das fotos da cascata, ficou imprestável..

Cascata Nona Rosa - Eco Parque de Nova Roma do Sul
Cascata Nona Rosa

Em Nova Pádua, chamaram-me a atenção os macacos pregos e uma aranha gigante. No Eco Parque, cruzei com um animal que menos inofensivo: uma cobra coral. O seu veneno é capaz de matar um boi de 500 kg!

Ainda no Eco Parque, aproveitei para tirar uma foto com uma jiboia.

Cobra coral verdadeira no Eco Parque Cia Aventura, em Nova Roma do Sul
Cobra coral no Eco Parque Cia Aventura


Gruta e Ponte de Ferro
Deixei o Eco Parque, passando, no caminho, pela Capela São José. Então, segui até Farroupilha. E na estrada, peguei um acesso (ruim) para a Gruta Nossa Senhora de Lourdes. Em frente à gruta, há uma queda d’água.

Gruta Nossa Senhora de Lourdes, em Nova Roma do Sul
Gruta Nossa Senhora de Lourdes

O trajeto de Nova Roma do Sul a Farroupilha é uma sequência infindável de curvas. O percurso é muito bonito. E na divisa das cidades há uma bela Ponte de Ferro. Mas o sol contra, por vezes cegava a visão...

Ponte de Ferro de Nova Roma do Sul

segunda-feira, 21 de setembro de 2015

Ponte dos Navegantes, Nova Roma do Sul

Esta ponte de ferro sobre o Rio das Antas foi construída no fim da década de 1920. Ela une os municípios de Nova Roma do Sul e Farroupilha. As obras foram iniciadas em 29.11.1928, durante o governo de Getúlio Vargas.

Ponte de Ferro dos Navegantes, em Nova Roma do Sul
Ponte dos Navegantes, Nova Roma do Sul

Pedreiras, uma de cada lado do rio, forneceram material. Foi construído um pilar de 22 metros de altura, no meio do rio. As barras de ferrovia eram trazidas de Garibaldi até Farroupilha. Dali, elas seguiam em carretas.

Ponte de ferro liga as cidades de Farroupilha e Nova Roma do Sul
Ponte liga Farroupilha a Nova Roma do Sul

 
Free Host | new york lasik surgery | cpa website design