sábado, 31 de janeiro de 2015

Casario Açoriano em Santo Antônio de Lisboa e Praia de Sambaqui [Florianópolis]

Santo Antônio de Lisboa é um dos locais mais fotogênicos da fotogênica Florianópolis. O casario açoriano bem conservado toma conta da paisagem. Alguns casarões também podem ser vistos na vizinha Sambaqui.

Regras do Bar Gambarzeira, em Santo Antônio de Lisboa, Florianópolis
Regras do Bar Gambarzeira, em Santo
Antônio de Lisboa, Florianópolis.

Casario Açoriano
Os açorianos chegaram, em 1748, ao local conhecido hoje como Santo Antônio de Lisboa. E alguns traços da arquitetura da época mantiveram-se no casario açoriano. O local é um convite aos fotógrafos de plantão...

Casario Açoriano de Santo Antônio de Lisboa
Casario Açoriano de Santo Antônio de Lisboa

Barquinhos em Santo Antônio de Lisboa
Barquinhos em Santo Antônio de Lisboa


Igreja Nossa Senhora das Necessidades
A pequena igreja é a cereja do bolo de Santo Antônio de Lisboa. Ela foi o primeiro local que procurei para fotografar. E ao chegar ali, percebi uma equipe fotografando um casal para um book de casamento...

Igreja de Santo Antônio de Lisboa, Florianópolis
Igreja de Santo Antônio de Lisboa

Casa Açoriana
Mas para chegar à igreja, você passará primeiro em frente à Casa Açoriana. A casa é uma loja de artesanato. Vale à pena conferir! Boa parte das peças à venda chama a atenção pelo vivo de suas cores.

Artesanato na Casa Açoriana de Santo Antônio de Lisboa, Florianópolis
Artesanato na Casa Açoriana

Imagem de Santo Antônio na Casa Açoriana de Santo Antônio de Lisboa, Florianópolis
Imagem de Santo Antônio

Gambarzeira
Próximo à Casa Açoriana, há um bar, o Garmbarzeira. Chama a atenção sua decoração, com gambás, bem como seus avisos em textos bem-humorados na fachada. Eis um lugar que vale à pena dar uma conferida!

Decoração do Gambazeira, em Santo Antônio de Lisboa, Florianópolis
Decoração do Gambazeira.

Um dos avisos do Gambarzeira, em Santo Antônio de Lisboa, Florianópolis
Um dos avisos do Gambarzeira.


Engenho Caminho dos Açores
O engenho fica após a igreja, seguindo-se pela mesma rua que passa em frente a ela. Datado do século XIX, destinava-se à produção de farinha de mandioca. Quando passei por ali, ele estava fechado.

Antigo engenho em Santo Antônio de Lisboa, Florianópolis
Antigo engenho em Santo Antônio de Lisboa.

Sambaqui
Antes de partir para o norte de Florianópolis, passei por Sambaqui. Minha ideia era verificar se haveria saída de barcos para a Ilha do Anhatomirim. Naquele dia, infelizmente, não haveria...

Saída de barcos na Praia de Sambaqui, Florianópolis
Saída de barcos na Praia de Sambaqui.

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Praia do Sambaqui, Florianópolis

Distante 17 km do centro de Florianópolis, a Praia de Sambaqui apresenta 1,1 km de extensão. São poucos os trechos abertos ao público. Pois a maior parte desta praia é de propriedade particular.

Praia de Sambaqui, em Florianópolis
Praia de Sambaqui, em Florianópolis
  
A Praia de Sambaqui caracteriza-se pelas águas calmas e escuras, pelo fundo lodoso. Sua estreita faixa de areia escura e grossa possui conchas e restos de artefatos e de esqueletos que ali foram alojados.

Casario açoriano na vila de pescadores, da Praia do Sambaqui, Florianópolis
Casario açoriano na vila de pescadores.

A Praia de Sambaqui parece um convite a se passear pela orla. Conhecida pelas criações de ostras, a praia é repleta de restaurantes especializados em frutos do mar. A orla também reúne alguns bares. 

Sambaqui foi o lugar escolhido pelos primeiros imigrantes açorianos. Ali, formou-se um vilarejo de pescadores. O local preserva seus costumes e tradições através de danças religiosas e folclóricas, como o Boi de Mamão.

Praia do Sambaqui, Florianópolis: preserva os costumes e tradições açorianos através de danças e festividades
Sambaqui preserva os costumes e tradições
açorianos através de danças e festividades.

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Engenho Caminho dos Açores, Florianópolis

Datado do século XIX, representa as centenas de engenhos da Ilha de Santa Catarina. Engenhos que desapareceram ou foram adulterados. Hoje, poucos são encontrados em atividade nas comunidades interioranas.

A Casa de Moradia, localizada ao lado do Engenho Caminho dos Açores, Florianópolis
A Casa de Moradia, localizada ao lado do 
Engenho Caminho dos Açores, Florianópolis

O Engenho Caminho dos Açores fica em Santo Antonio de Lisboa. E é uma construção rústica, com chão de terra batida e telhado aparente. Ele fica próximo à casa de moradia, de melhor acabamento.

O Engenho Caminho dos Açores era usado para produzir farinha de mandioca de modo artesanal. E também se destacava pela produção de aguardente de cana, feita em alambiques, e de açúcar mascado.

Veja também...
Santo Antônio de Lisboa e Sambaqui

Praia de Santo Antônio de Lisboa, Florianópolis

Distante 13 km do Centro, a Praia de Santo Antônio de Lisboa possui 720 metros de extensão. Caracteriza-se pelas águas calmas e quentes, com fundo lodoso, bem como pela faixa estreita de areia escura e grossa.

Praia de Santo Antônio de Lisboa, Florianópolis
Praia de Santo Antônio de Lisboa, Florianópolis

Essa praia foi escolhida para a realização dos primeiros experimentos de maricultura no território catarinense. Isto fez com que a região de Sambaqui e Santo Antônio de Lisboa prosperasse economicamente.

Localização: Freguesia de Santo Antonio de Lisboa, Florianópolis.

Veja também...
Santo Antônio de Lisboa e Sambaqui

quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

Casa Açoriana Artes e Tramoias Ilhoas, Santo Antonio de Lisboa, Florianópolis

A Casa Açoriana Artes e Tramoias Ilhoas abriga galeria de arte e loja de artesanato. O estabelecimento reúne obras de alguns dos mais expressivos artesãos da Ilha. Boa parte das peças expostas na Casa Açoriana resgata o folclore açoriano do colonizadores locais.

Santo Antonio de Lisboa - Casa Açoriana Artes e Tramoias Ilhoas, no primeiro plano. Igreja Nossa Senhora das Necessidades, no segundo plano
Casa Açoriana Artes e Tramoias Ilhoas, no
primeiro plano. Igreja Nossa Senhora das
Necessidades, no segundo plano.
  
São pinturas primitivas, obras de arte contemporânea, esculturas, cestaria, cerâmica. Há também rendas, crivos, mantas de tear manual. Obras e peças que propiciam um contato com a sensibilidade dos artesãos da Ilha de Santa Catarina. E em especial, de Santo Antônio de Lisboa.

Santo Antonio de Lisboa - Imagem da São Francisco de Assis, na Casa Açoriana
Imagem da São Francisco de
Assis, na Casa Açoriana.

Localização: Rua Cônego Serpa, 30, Santo Antonio de Lisboa, Florianópolis. Próxima à Igreja de Nossa Senhora da Necessidade.
Funcionamento: domingo a quarta, das 10h às 20h. Quinta a sábado, das 10h às 22h.

Veja também...
Santo Antônio de Lisboa e Sambaqui

Igreja de Nossa Senhora da Necessidade, Santo Antônio de Lisboa, Florianópolis

A Igreja de Nossa Senhora da Necessidade começou a ser construída em 1750 e foi concluída em 1756. Situa-se num pequeno morro. E é a igreja mais antiga da Ilha de Santa Catarina.

Igreja de Nossa Senhora da Necessidade, Santo Antônio de Lisboa, Florianópolis
Igreja de Nossa Senhora da Necessidade,
Santo Antônio de Lisboa, Florianópolis.

Localização: Freguesia de Santo Antonio de Lisboa, Florianópolis.

Veja também...
Santo Antônio de Lisboa e Sambaqui

terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Casario de Santo Antônio de Lisboa, Florianópolis

O Casario Açoriano, em Santo Antônio de Lisboa, mantém vivas as heranças do povo que colonizou a região em meados do século XVIII. A arquitetura açoriana e as ruas de paralelepípedo chamam a atenção na freguesia.

A arquitetura açoriana pode ser observada no
casario colonial de Santo Antônio de Lisboa.

Em Santo Antônio de Lisboa, fica a rua calçada mais antiga de SC. Ela foi inaugurada, em 1845, por Dom Pedro II. Hoje, fica ali a Praça Roldão da Rocha Pires, onde, nos finais de semana, ocorre a feira de artesanato.

Os açorianos colonizaram a região de Santo
Antônio de Lisboa em meados do século XVIII.

A Feira das Alfaias ocorre, aos sábados e domingos, das 14h às 19h.

Localização: Santo Antônio de Lisboa, Florianópolis.

Veja também...
Santo Antônio de Lisboa e Sambaqui

Santo Antônio de Lisboa, Florianópolis

É um dos mais antigos e charmosos núcleos de colonização açoriana de Florianópolis. Santo Antônio de Lisboa fica no norte da Ilha de Santa Catarina, a 16 km do centro. E destaca-se pelos seus bares e restaurantes especializados em frutos do mar. Em especial, os pratos com ostras.

Santo Antônio de Lisboa, Florianópolis
Santo Antônio de Lisboa, Florianópolis

Santo Antônio de Lisboa é a região mais pitoresca no norte da Ilha de Santa Catarina. Parece um vilarejo português, com uma igrejinha em frente a uma praça. E o casario colonial, além das ruas em paralelepípedo. Ali, fica a rua calçada mais antiga de SC, inaugurada, em 1845, por Dom Pedro II.

Casario colonial, em Santo Antônio de Lisboa
Casario colonial, em Santo Antônio de Lisboa 

A freguesia fica de frente para o continente. E é um dos pontos privilegiados para se apreciar o pôr do sol a partir da Ilha de Santa Catarina. A partir de Santo Antônio de Lisboa, é possível avistar a paisagem, tanto em direção à Baía Norte como à Ponte Hercílio Luz, no centro da cidade.

Igreja de Nossa Senhora da Necessidade, Santo Antônio de Lisboa, Florianópolis
Igreja de Nossa Senhora da Necessidade

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Masc, Forte Sant’Anna e Ponte Hercílio Luz, em Florianópolis

O Forte Sant’Anna, de 1765, era o Guardião do Canal, no ponto onde a ilha mais se aproxima do continente. Um século e meio depois, foi construída no mesmo local a Ponte Hercílio Luz, ligando a ilha ao continente.

O CIC reúne o Museu de Arte de Santa Catarina e o Museu da Imagem e do Som.
O CIC reúne o Museu de Arte de Santa
Catarina e o Museu da Imagem e do Som.

MASC e MIS
O Centro Integrado de Cultura (CIC) é o principal espaço cultural de Florianópolis. É ali que se encontram o Museu de Arte de Santa Catarina (MASC), o Teatro Ademir Rosa e o Museu da Imagem e do Som (MIS).

Exposição de esculturas no Masc.
Exposição de esculturas no Masc. 

Ambos os museus têm entrada franca. Quando eu visitei o MASC, estava ocorrendo uma exposição de Pita Camargo. E o MIS recebia uma exposição fotográfica sobre o grupo de rock Expresso Rural.

O CIC é o principal espaço cultural de Florianópolis.
O CIC é o principal espaço
cultural de Florianópolis.


Forte Sant’Anna
Este é o menor forte de Florianópolis. Talvez por isso seja menos conhecido. Porém é o de mais fácil acesso. Ele fica bem no início da Beira-Mar Norte, abaixo da Ponte Hercílio Luz. Ao lado do forte, há um quartel de bombeiros.

O Forte Sant'Anna é o menor de Florianópolis.
O Forte Sant'Anna é o menor de Florianópolis.

Junto ao Forte Sant’Anna, fica o Museu da Polícia Militar Major Lara Ribas. O acervo é constituído, basicamente, de armas e munições. Ali, há também uma maquete na qual se pode observar uma réplica do forte.

O Forte Sant'Anna é o mais bem conservado da ilha de Santa Catarina.
O forte é o mais bem conservado da ilha.


Ponte Hercílio Luz
A ponte é provavelmente o cartão postal mais famoso de Florianópolis. É familiar a todos que conheceram a ilha. Alguns consideram a foto mais manjada. Mas como ir até Florianópolis e não fotografar a antiga ponte?

Forte Sant'Anna e Ponte Hercílio Luz.
Forte Sant'Anna e Ponte Hercílio Luz.

E há outros dois motivos para visitar o local: o forte e o museu!

domingo, 25 de janeiro de 2015

Ponte Hercílio Luz, Florianópolis

A Hercílio Luz, ponte pênsil com 821 metros de comprimento, foi inaugurada em 1926. Toda em ferro, conta com duas torres de 74 metros de altura e um vão central com 30 metros. É uma das maiores do mundo no gênero.

Ponte Hercílio Luz, Florianópolis
Ponte Hercílio Luz, Florianópolis

Durante muito tempo, a Ponte Hercílio Luz foi a única ligação entre a Ilha de Santa Catarina e o continente. Por medida de segurança, foi interditada, em 1982. E então, foi tombada como Patrimônio Histórico e Artístico.

Na extremidade ligada à Ilha de Santa Catarina, há o monumento a Hercílio Luz, o idealizador da ponte. À noite, toda iluminada, a ponte é um dos mais belos cartões postais de Florianópolis. No momento, ela está em reformas.

A ponte começou a ser construída em 1922, sendo inaugurada quatro anos depois. Na época, era chamada Ponte da Independência, pois representava a conexão efetiva da Ilha de Santa Catarina com o continente.

Localização: Alameda Adolfo Konder, centro de Florianópolis.

Veja também...
Masc, Forte Sant´Anna e Ponte Hercílio Luz

sábado, 24 de janeiro de 2015

Forte Sant'Anna, Florianópolis

O Forte Sant´Anna foi construído, no ano de 1765, para proteger o ponto onde a Ilha de Santa Catarina mais se aproxima do continente. No local, a ilha fica a apenas 410 metros de distância do continente.

Ponte Hercílio Luz e Forte Sant'Anna, em Florianópolis
Forte Sant'Anna, em Florianópolis

A construção, em alvenaria de pedra, é uma das fortalezas mais bem conservadas de Florianópolis. Conta com seis canhões de ferro e quatro de bronze. Porém, o forte foi conquistado, sem muito esforço, pelos espanhóis.

Um ano após a invasão espanhola, a ilha voltou para a domínio português, conforme  ficou definido pelo Tratado de Santo Ildefonso, em 1777. Na época, prometeu-se que ele jamais seria usado novamente.

Museu de Armas Major Lara Ribas e Ponte Hercílio Luz, em Florianópolis
Museu de Armas Major Lara Ribas.

Em 1938, o Forte Sant´Anna foi tombado como Patrimônio Histórico. E em 1973, foi restaurado pela primeira vez. Desde 1975, ele abriga o Museu de Armas Major Lara Ribas, da Polícia Militar de Santa Catarina.

Junto ao forte, foi construída a Ponte Hercílio Luz, em 1926.

Localização: Rua Osvaldo Rodrigues Cabral, 525, centro de Florianópolis.
Funcionamento: diariamente, de 08h às 12h e de 14h às 18h.

Veja também...
Masc, Forte Sant´Anna e Ponte Hercílio Luz

Centro Integrado de Cultura Professor Henrique da Silva Fontes (CIC), Florianópolis

O Centro Integrado de Cultura Professor Henrique da Silva Fontes oferece estrutura para teatro, vernissages e cinema. Foi inaugurado em 1982.

Imagem pintada em uma das paredes do CIC
Imagem pintada em uma das paredes do CIC

O espaço abriga o Museu de Arte de Santa Catarina (Masc), o Museu da Imagem e do Som de Santa Catarina (MIS) e o Teatro Ademir Rosa.

O CIC tem espaços para exposições, oficinas de artes plásticas e artesanato. É uma maneira de ficar por dentro da programação cultural da cidade.

Localização: Avenida Irineu Bornhausen, 5.600, Agronômica, Florianópolis.
Funcionamento: 2ª a 6ª feira, das 13h às 19h.

Veja também...
Masc, Forte Sant´Anna e Ponte Hercílio Luz

sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

Museu da Imagem e do Som (MIS), Florianópolis

O Museu da Imagem e do Som (MIS) surgiu em 1998. Conta com acervo de cerca de 2 mil discos de cera, os mais antigos, das décadas de 1920 e 1930. Há, também, 10 mil discos de vinil.

MIS, Museu da Imagem e do Som, Florianópolis
MIS, Museu da Imagem e do Som, Florianópolis

O MIS também exibe filmes e oferece espaço para atividades audiovisuais. E trabalha na conservação de fotografias. E presta orientação técnica nas áreas de cinema e vídeo. O MIS faz parte do CIC.

Localização: Avenida Irineu Bornhausen, 5.600, Agronômica, Florianópolis.
Funcionamento: 2ª a 6ª feira, das 14h às 18h30.

Veja também...
Masc, Forte Sant´Anna e Ponte Hercílio Luz

Museu de Arte de Santa Catarina (MASC), Florianópolis

O Museu de Arte de Santa Catarina, o Masc, é o terceiro museu de arte mais antigo do Brasil. Foi criado, em 18 de março de 1949, com o nome de Museu de Arte Moderna de Florianópolis.

Masc, o Museu de Arte de Santa Catarina, localizado na capital, Florianópolis.
Masc, o Museu de Arte de Santa Catarina,
localizado na capital, Florianópolis.

O Masc faz parte do Centro Integrado de Cultura (CIC). E em junho de 2011, foi finalizada a total revitalização do espaço. O Masc tem capacidade e climatização para receber mostras nacionais e internacionais.

O Masc mantém acervo com mais de 1.600 obras de artistas brasileiros e de outros países. Destaques para os artistas Di Cavalcanti, Tarsila do Amaral, Juarez Machado, Tamie Ohtake, Burle Marx e Iberê Camargo.

Localização: Avenida Irineu Bornhausen, 5.600, Agronômica, Florianópolis.
Funcionamento: 3ª a domingo, das 13h às 21h.

Veja também...
Masc, Forte Sant´Anna e Ponte Hercílio Luz

quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

O Museu Etnográfico de Biguaçu. E a Biblioteca e o Museu Histórico Municipal de São José.

Entrar no Museu Etnográfico, em Balneário São Miguel, Biguaçu, só para conferir a arquitetura do prédio já valeria à pena. O mesmo vale para a Biblioteca Municipal e o Museu Histórico Municipal de São José.

Interior do Museu Etnográfico de Biguaçu
Interior do Museu Etnográfico de Biguaçu

  
Museu Etnográfico Casa dos Açores
Este museu destaca-se pela organização do seu acervo e pela beleza do prédio que o abriga. Uma sala do Museu Etnográfico reconstitui um quarto do século XIX. E três maquetes ilustram as fortalezas de Florianópolis.

Fachada do Museu Etnográfico Casa dos Açores, Biguaçu
Fachada do Museu Etnográfico Casa dos Açores

O prédio foi construído na primeira metade do século XIX. E reformado, em 1865. Restaurado, ele conserva a arquitetura, com grossas paredes brancas e enormes portas de madeira. É possível subir no segundo piso do prédio.

Grossas paredes brancas e portas de madeira no Museu Etnográfico, Biguaçu
Grossas paredes brancas e portas de
madeira no Museu Etnográfico.


Igreja São Miguel Arcanjo
Após conversar por quase uma hora com o responsável pelo museu, dei uma passada pela Igreja São Miguel Arcanjo. Ela foi inaugurada, em 09/08/1747. E em 1845, Dom Pedro II doou um sino à Matriz de São Miguel.

Igreja São Miguel Arcanjo, em Biguaçu
Igreja São Miguel Arcanjo, em Biguaçu

Biblioteca Municipal de São José
Este, a meu ver, é o mais belo prédio do Centro Histórico de São José. Há casarões de grande beleza próximos à biblioteca. Nenhum com a imponência do prédio datado de 1851 que abriga, atualmente, a Biblioteca Municipal.

Escadaria no interior da Biblioteca de São José
Escadaria no interior da Biblioteca.


Museu Histórico Municipal de São José
Neste caso, o prédio despertou mais o meu interesse que o acervo. Este, apesar de variado, é comum. São roupas, cédulas de dinheiro, óculos. Pena que não se pode fotografar o interior do prédio, apenas sua fachada.

Moinho no Museu Histórico de São José
Moinho no Museu Histórico de São José

quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Centro Histórico de São José, Santa Catarina

São José é a cidade pela qual todo mundo que vai para Florianópolis passa. Ou melhor: todo mundo que vai por terra. A questão é que poucas pessoas conhecem o rico Centro Histórico dessa “cidade de passagem”.

Fachada da Biblioteca Municipal de São José
Fachada da Biblioteca Municipal de São José.


De Biguaçu a São José
Deixei o centro de Biguaçu com uma meta. Procurar por um Centro de Informações Turísticas (CIT) em São José. Queria reunir informações para explorar a cidade no dia seguinte. A previsão era de chuva.

Entrada da Igreja Matriz São José
Entrada da Igreja Matriz São José

Perguntei em um hotel onde ficava o CIT. O recepcionista disse que São José não era uma cidade turística e não tinha CIT. Pedi ao menos que ele me dissesse como eu poderia chegar ao Centro Histórico da cidade.

Museu Histórico Municipal de São José
Museu Histórico Municipal de São José


Centro Histórico
Apesar da informação imprecisa, cheguei ao Centro Histórico de São José. Como o Brasil jogaria com o México naquela tarde, quase tudo estava fechado. O segurança da Câmara de Vereadores, porém, deu uma força.

Monumento aos Açorianos, em frente à Câmara de Vereadores de São José
Monumento aos Açorianos, em frente à
Câmara de Vereadores de São José.

Listei para ele alguns prédios e ele me orientou com relação à localização. A maior parte ficava junto à Praça Hercílio Luz, do outro lado da rua. Os outros ficavam bem próximos. Exceto uns quatro itens da minha lista.


Caminhada pelo Centro Histórico
Deixei a Câmara de Vereadores, cruzando a Praça Arnoldo de Souza. O Monumento aos Açorianos fica nesta praça. Em frente a ela, fica o Museu Histórico Municipal. E ao lado deste, o Conjunto de Casario.

Lateral da Igreja Matriz de São José
Lateral da Igreja Matriz de São José.

Após conferir o casario, segui até o Theatro Adolpho Mello, hoje interditado. Ao lado, fica a Casa de Cultura. Atravessando a Rua Padre Machario, você estará em frente à Biblioteca Municipal. Ao lado, a Igreja Matriz São José.

São José, Santa Catarina: Casa de Cultura, à esquerda. Teatro, à direita
Casa de Cultura, à esquerda. Teatro, à direita.

Então, parti para o Beco da Carioca, numa viela ao fundo da Igreja Matriz. Dali, retornei para a Rua Padre Machario, percorrendo-a por inteiro. A Capela Nosso Senhor do Bonfim fica num dos extremos.

O Beco da Carioca, ao fundo da Igreja Matriz de São José, Santa Catarina
O Beco da Carioca, ao fundo da Igreja Matriz

 
Free Host | new york lasik surgery | cpa website design