quinta-feira, 30 de junho de 2011

Um Guasca em Conflito Armado

Apesar de ter pagado a diária para um quarto individual, logo percebi que teria companhia: encontrei duas baratas passeando animadamente perto da cama! Como não consentiram em dividir as contas, instalou-se um conflito.

A questão não era simplesmente uma disputa territorial. Era também uma disputa de poder. Tudo girando em torno de um pressuposto capitalista: se quer usar, tem que pagar. Sei, sei... Não foram exatamente estas as palavras de Adam Smith...

Poderia estar até sendo arrogante, porém tudo me levava a crer que minhas rivais não haviam lido “A Arte da Guerra”. Sorte minha, azar delas! Pois eu sabia ser fundamental não se subestimar o inimigo... Afinal de contas, elas voam e eu não! Além disso, estavam em superioridade numérica... 

Tracei, então, minha estratégia e parti para o ataque. Na mão direita, levava um bastão de trekking. Na esquerda, uma sandália Havaianas. No primeiro passo que dei, uma das baratas correu para baixo do armário. A outra refugiou-se no banheiro...

Precisei revisar a minha estratégia: havia subestimado a velocidade destes ágeis insetos! Perdi a primeira batalha, mas resisti em pé, sem me vergar às minhas oponentes. “Estas ordinárias devem estar-se divertindo às minhas custas”, pensei. 

Lembrando o sábio autor chinês, procurei-me abster de toda e qualquer emoção. Mais do que isto: procurei racionalizar a questão. Repeti para mim mesmo: “Disciplina, disciplina!”. E então, sentenciei: “Cercar, cutucar, disparar!”.

Com o plano novo decorado, adentrei o banheiro para executar o crime! Cerquei a primeira bichana, cutuquei com o bastão de trekking e disparei a chinelada. Certeira! Morte instantânea! 

Procurando conter minha euforia, parti à procura de sua comparsa. Agindo com toda cautela e parcimônia, executei o mesmo plano, com precisão cirúrgica! 

Sentia-me um verdadeiro Rocky Balboa, pulando sobre as escadarias do Museu, na Filadélfia. E o quarto, aquele campo de batalha, trazia o resultado do genocídio: os dois corpos estendidos no chão! 

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Seja bem-vindo ao Guasca Tur!

Colega viajante,


Uma das coisas mais difíceis é calcular o impacto do acaso em nossas vidas!

Em meados de 2010, havia definido viajar com a família pelo Chile.
Isto significava que, após 11 anos, eu voltaria a tirar férias...
Após ler três ou quatro livros e revirar uns sites, chegamos a um acordo!

Eis que, em dezembro, instalou-se uma crise...
Uma divergência no roteiro fez com que eu abortasse a viagem em família.
E, em poucos dias, precisaria escolher um novo destino para as férias...


Nem sempre é fácil realizar a viagem dos nossos sonhos!

A primeira opção era conhecer o Pantanal.
Na verdade, uma viagem pelo Pantanal é um sonho antigo!
A estação das chuvas, porém, me fez abandonar a ideia...

Considerei, então, desbravar os Lençois Maranhanenses.
E descobri que o auge da beleza na região é em junho, julho...
Mais uma ideia caía por terra... Mais um destino era descartado...

Decidi pela terceira opção: uma trip pelo litoral capixaba e fluminense.
O primeiro, ainda não conhecia.
Pelo segundo, havia feito um mochilão em 2000.


Uma das melhores coisas das viagens é compartilhar experiências!

O plano era um tanto audacioso!
Escreveria um diário, durante a viagem, narrando minhas "aventuras"...
E este material serviria de base para a criação de um blog.

Assim, além de roupas e equipamentos, comprei um netbook antes de partir!
Parti também com uma ideia da estrutura e do material que iria divulgar.
E com o nome "Guasca Tur" em mente... 

Guasca é uma referência ao gaúcho, guerreiro e desbravador... 
Busco transmitir aqui a ideia de uma viagem rústica, barata e sem caprichos.
Enfim, uma viagem com pouco conforto, mas muita emoção!


A ideia é reunir aqui três de minhas paixões: viajar, escrever e fotografar!

Viajando, conhecemos pessoas, culturas e vivenciamos novas experiências.
Escrevendo, registramos e transmitimos estas nossas experiências.
E fotogrando, congelamos no tempo e no espaço tais experiências!

Por mais que os roteiros sejam parecidos, cada viagem é diferente...
Afinal, os imprevistos tornam cada experiência única...
E são justamente estes imprevistos que dão o tempero às nossas viagens...

Espero contribuir com dicas e informações úteis.
E também, é claro, compartilhar algumas emoções...
Por fim, espero que com isto você viaje mais e mais...


Seja bem-vindo ao Guasca Tur!

 
Free Host | new york lasik surgery | cpa website design